Lamentamos mas este código é secreto e intransmissível

Tudo se faz e se desfaz, numa suspensão.
Tudo é rigorosamente possível de acontecer.
Só não se diz o que não se desprendeu da folha do diário.
O que não se vê, é uma existência ausente.
Habitam-se todos os lugares comuns.
Ouvem-se as músicas preferidas, sem se saber porquê.
O cenário são os corpos em construção.

Não há princípio nem fim

Olga Roriz. Novembro 2000.

.

Direção
Olga Roriz
Intérpretes (2001)
Adriana Queiroz, Vanessa Dinger, Félix Lozano,
Miguel Moreira, Romeu Runa
Intérpretes (2004)
Adriana Queiroz, Catarina Câmara, Félix Lozano,
Francisco Rousseau, Pedro Santiago Cal, Romeu Runa
Música
Tori Amos, Jacques Brel, Astor Piazzolla, Dromed,
Amália Rodrigues, Gloria Gaynor, António Viegas
Wim Mertens
Cenário e figurinos
Olga Roriz
Desenho de luz
Clemente Cuba
Textos
Olga Roriz e Félix Lozano
Produção
Sofia Ventura